Notícias

A prefeitura de Londrina anunciou alteração nos horários de entrada de empregadas domésticas e trabalhadores do setor de prestação de serviços do município com o objetivo de ampliar a proteção das pessoas e a prevenção contra a Covid-19. O anúncio ocorreu durante transmissão ao vivo feita pelas redes sociais na tarde desta segunda-feira (8). Além disso, foi anunciado o aumento da frota de ônibus em horários de pico.

Segundo o prefeito Marcelo Belinati (PP), estudos comprovaram que, antes da pandemia, 130 mil pessoas usavam o transporte coletivo em Londrina por dia. Atualmente, este número caiu para 48 mil. O efetivo é de 92% da frota de ônibus em operação, mesmo com essa redução.

O horário de pico em Londrina, conforme o prefeito, é das 6h30 a 7h30, estendendo-se até por volta das 8h. Neste horário, cerca de 20 mil pessoas utilizam os ônibus. Deste total, são 13 mil mulheres e 7 mil homens. E, entre as mulheres, são 10 mil domésticas.

Para evitar o 'choque' com os trabalhadores de outros setores, foi definido que o horário do comércio das 10h às 16h e das 11h-19h para os shoppings.

Para tentar diminuir ainda mais a aglomeração de pessoas, um decreto a ser publicado pela prefeitura vai alterar a entrada de profissionais da prestação de serviços e domésticas para 9h no intuito de diluir o movimento dentro dos ônibus.

Também haverá acréscimo de mais 50 ônibus nos horários de pico - das 6h30 até 8h e das 16h às 19h.

 

Fonte: Bonde

Publicado em Londrina e região
Página 3 de 3
REDES SOCIAIS:
Image
Image
RÁDIO NORTE 100.3
CONTATO@RADIONORTELONDRINA.COM.BR
(43) 3367-4003

Rádio Norte Londrina a sua melhor companhia!
Image
RÁDIO NORTE 100.3
CONTATO@RADIONORTELONDRINA.COM.BR
(43) 3367-4003

Rádio Norte Londrina a sua melhor companhia!
Image